Viagens de incentivo

Viagens de incentivo: como colocá-las em prática na empresa?

Quem é que não gosta de viajar? Descansar, refrescar as ideias, aprender coisas novas, conhecer uma cultura diferente, mudar de ares, etc. Ganhar uma viagem como recompensa é ainda melhor. Essa tem sido uma prática adotada por diversas empresas para reter e reconhecer o desempenho de seus colaboradores.

As viagens de incentivo são uma forma de premiar funcionários, fornecedores ou clientes pelo desempenho nos negócios da empresa. Além de proporcionar uma experiência mais profunda, esse tipo de recompensa também busca motivar os colaboradores e oferecer uma vivência inesquecível, fortalecendo o laço entre empresa e funcionário.

A seguir você confere ótimas dicas de como colocar as viagens de incentivo em prática na sua empresa.

Planeje com antecedência

Para que a viagem tenha um forte impacto nos colaboradores que serão incentivados, é preciso que tudo aconteça de maneira perfeita. Para que tudo seja feito corretamente, o planejar é fundamental.

Um bom planejamento vai evitar diversos problemas como indisponibilidade de vagas, infraestruturas ou atrações que você gostaria de oferecer para seu time. Organizar com cuidado também trará muita economia. Os preços de passagens e as reservas de hotéis são mais baratos quanto realizados com antecedência.

Conheça bem seus colaboradores

Na hora de organizar um programa de viagens de incentivo, é importante ter em mente quem vai usufruir da viagem. Se o público em questão são seus colaboradores, você precisa conhecer bem quais os gostos do perfil do seu time. Muitas vezes, apenas sabendo a faixa etária, você já consegue moldar um roteiro.

Se possível, atente para o histórico de viagens realizadas por pessoas do time e preste atenção nos gostos da maior parte dos envolvidos. Isso lhe ajudará a personalizar a experiência da viagem.

Saiba escolher os destinos certos

Conhecendo bem o perfil dos seus colaboradores, é hora de escolher o destino certo para eles. O destino da viagem precisa ser um atrativo. De nada adianta premiar com uma viagem para um lugar que não interesse aos gostos do colaborador.

Resorts costumam ser uma ótima escolha. Além de oferecerem atividades e serviços de diversos tipos, eles são capazes de agradar os mais diferentes tipos de pessoas. Você também pode optar por escolher algo que tenha relação com o ramo de atuação da empresa. Por exemplo, se a empresa atuar na área de tecnologia, que tal levar os colaboradores ao Vale do Silício? Mas atenção, lembre-se de que o local precisa ser atrativo para os funcionários. Não deixe que a viagem de incentivo se transforme em um momento de trabalho!

Faça o orçamento

Para garantir o sucesso das viagens de incentivo, também é fundamental saber investir seus recursos com sabedoria. Quando as escolhas certas são feitas, muito pode ser economizado, a viagem tem maiores chances de ser um sucesso e a percepção dos colaboradores será muito mais positiva.

Planejar uma viagem de incentivo pode ser muito desafiador, mas os benefícios compensam. Para evitar problemas na sua viagem, é preciso fazer um bom planejamento, saber negociar preços, lidar com imprevistos e garantir a segurança dos colaboradores.

Para realizar todas essas etapas da maneira mais eficiente e cuidadosa possível, saber fazer um planejamento de custos para sua viagem é essencial. Continue se informando!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.