Como lidar com o Jet lag em uma viagem corporativa

Diferente de passeios a lazer, uma viagem corporativa é repleta de obrigações e afazeres. É importante que o funcionário esteja com disposição para não ter problemas durante a estadia e consiga realizar o que lhe foi requisitado pela empresa. Quem viaja ao exterior a trabalho com frequência, sabe que o Jet lag pode atrapalhar bastante seu desempenho, tanto quanto a saúde.

De acordo com um estudo feito pela Skyscanner o efeito jet lag afeta mais os jovens. 63% dos entrevistados que disseram não sentir diferença têm mais de 45 anos, enquanto 37,7% que confirmaram ter problemas por conta da diferença de horário, são mais novos.

Mas o que é Jet lag?

Sem tradução em português, efeito “Jet lag” é o mal estar causado pela troca repentina de fuso horário, que pode causar alteração repentina no ritmo diário do viajante. Durante a visita, o turista pode sentir enjôos, insônia, fadiga, irritabilidade, entre outros sintomas desagradáveis.

Nosso corpo é programado para realizar determinadas atividades durante 24h, como acordar, realizar nossas refeições e dormir. Alterações na sincronia desse ciclo pode deixá-lo confuso, o que origina problemas físicos e mentais.

Quer saber como evitar esse transtorno e não comprometer sua produtividade durante sua viagem corporativa? Confira 10 recomendações para fugir do Jet Lag:

  1. Descanse antes do voo. Procure dormir bem na noite anterior à viagem. Não deixe para arrumar as malas ou acertar detalhes de última hora, assim você já chegará ao destino desgastado. Organize todos os documentos e demais trâmites com antecedência.
  2. Mude seus hábitos. Dias antes da viagem, pesquise a diferença de horário entre o Brasil e o seu destino. Tente levantar de madrugada e realizar tarefas e faça refeições como se já estivesse no outro país. Adaptar-se antes fará com que você não sinta tanto o impacto do fuso.
  3. Não ingira álcool e café durante o voo. Bebidas alcoólicas, cafeína ou energéticos podem ser prejudiciais. A primeira causa sensação de cansaço e desidratação, complicando ainda mais seu bem-estar no desembarque. As duas últimas podem alterar seus padrões de sono.
  4. Faça atividades físicas durante a viagem. Por mais que o tempo livre de uma viagem a negócios seja curto, realizar caminhadas pode te ajudar a manter o corpo ativo e disposto. Isso evitará as sensações de fadiga e cansaço resultantes das mudanças de horário.
  5. Evite dormir fora de horário. Tente não utilizar intervalos entre reuniões ou qualquer espaço vago na agenda para dormir, mesmo que seu relógio biológico sinta a necessidade. Seu sono pode ficar ainda mais irregular com cochilos fora de hora. Nos tempos livres, aproveite para conhecer a cidade, fazer programas diferentes que te façam bem, evitando um possível estresse.
  6. Faça atividades físicas durante sua estadia. Por mais que o tempo livre de uma viagem a negócios seja curto, realizar caminhadas pode te ajudar a manter o corpo ativo e disposto. Isso evitará as sensações de fadiga e cansaço resultantes das mudanças de horário.
  7. Respeite os horários de refeição. Não belisque alimentos quando sentir fome fora de hora. Enquanto estiver no país, se alimente no horário local, isso vai fazer com que você se ajuste melhor ao cotidiano e tenha energia suficiente durante o dia.
  8. Não induza o sono com remédios. Caso não seja de orientação médica, não utilize medicamentos para dormir, isso pode potencializar os sintomas do Jet Lag. Se durante a noite estiver com muita dificuldade para pegar no sono, opte por chás ou métodos naturais.
  9. Mantenha seu quarto escuro. O hormônio responsável pelo sono, melatonina, é liberado pela glândula pineal apenas em ambientes escuros. Portanto, mantenha televisores, luminárias ou qualquer outro aparelho eletrônico que traga claridade ao local desligados.
  10. Evite checar seu smartphone antes de dormir. Por mais que sintamos a necessidade de estar conectado o tempo todo, é importante deixar o celular de lado para não ter problemas de insônia. A luz azul emitida pela tela faz com que a glândula pineal considere que ainda é dia, o que inibe a produção de melatonina.

Baixe nosso e-book “Crie uma política de viagens corporativas”

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.