Como oferecer lazer aos funcionários numa viagem corporativa - etrip

Como oferecer lazer aos funcionários numa viagem corporativa

Viajar a trabalho pode ser o sonho de diversas pessoas, mas o profissional que já possui uma vasta experiência no quesito sabe que em alguns momentos pode se deparar com situações não muito agradáveis, como: horas de aeroporto, saudades da família, solidão, entre muitas outras situações estressantes que precisarão ser muito bem administradas.

Cada organização constrói a sua própria política de viagens corporativas, para que tudo seja regulamentado com base nos propósitos da empresa, conforto do funcionário e o controle do orçamento. A etrip tem algumas sugestões para regulamentar esse tipo de viagem que une negócios e lazer. Confira:

Política de gastos corporativos

Crie um documento que descreva todas as informações e detalhes referentes aos objetivos e regras da viagem corporativa. Quando falamos em momentos de lazer durante a viagem de negócios, é necessário definir despesas inaceitáveis, como: álcool, vestuário ou admissões nas atrações turísticas.

Exija um recibo para cada item de despesa relacionada à empresa. Peça para que os funcionários anotem as datas de quaisquer despesas para que as que forem do dia “extra” não sejam cobradas à empresa.

Família

Se a família está envolvida, planeje-se com inteligência! Não há nada como ter a sua família com você em uma viagem a negócios. No entanto, é recomendável que os seus familiares se juntem a você somente depois dos seus compromissos profissionais. Isso permitirá que você possa dar-lhes toda a sua atenção e não comprometará as suas tarefas.

Você sabe realizar diagnóstico de processos de compra da sua empresa?

Redução de gastos

Viagens em baixa temporada são mais econômicas, mas nem sempre é possível conciliar a data da conferência com esse período, Porém uma empresa especializada em viagens corporativas poderá ajudar a tornar a viagem mais econômica e oferecer uma estadia tranquila com benefícios na compra de passagens aéreas, hotéis e outros produtos de viagens.

Dias de folga

Em alguns casos o profissional está com banco de horas estourado ou naquele momento em que precisa de uns dias de descanso. Por que não aproveitar a viagem? Além de economizar com a passagem, é provável que o empregador pague mais barato pela estadia no hotel, já que em diversos hotéis e empresas oferecem vantagens para viagens corporativas.E neste caso, o colaborador poderá fazer um acordo com a própria empresa ou perguntar para o hotel se é possível manter o preço mais baixo para uma estadia.

Conheça algum ponto turístico

Apesar da correria, durante as viagens corporativas mais longas provavelmente o profissional terá tempo livre suficiente para ele mesmo, seja para passear ou descansar. E uma boa vantagem é poder conhecer novos lugares, pontos turísticos, visitar restaurantes típicos do local e tirar breves momentos de lazer.

Responsabilidade durante uma viagem corporativa

É fundamental que o profissional seja organizado e responsável o suficiente para saber dividir os momentos de lazer e os de negócios. O nome da empresa está em jogo, então abusar de festas e eventos fora do expediente pode comprometer os compromissos profissionais do dia seguinte. O colaborador não deve se esquecer de que o principal objetivo da viagem ainda continua sendo o trabalho e precisa se comportar como se estivesse na própria empresa.

Gostou dessas dicas? A etrip oferece diversos benefícios que ajudarão a tua empresa a planejar uma boa viagem corporativa. Conheça nossos planos e fale conosco para tirar suas dúvidas.

Saiba como uma agência digital para viagens corporativas pode reduzir os custos com viagens Baixe agora nosso e-book exclusivo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.