bleisure corporativo

Bleisure: viagens corporativas e lazer

Reservar o hotel que vai receber seu representante corporativo e pensar na sua acomodação, refeição, lazer e conforto são formas de beneficiar e tornar o colaborador um grande talento. Quem vai querer sair de uma empresa que cuida tão bem dos seus colaboradores? 

Sabendo que viagens são um dos custos mais altos que as empresas têm, fica difícil pensar em investir em conforto, que é igual a preço elevado, porém reter grandes talentos e promover um benefício em forma de bleisure, transforma esse custo em investimento. 

Bleisure é um termo inglês que une as palavras business (negócios) e leisure (lazer) utilizado para caracterizar um tipo de viagem corporativa diferenciada. É uma iniciativa por parte das empresas com intuito de proporcionar viagens que unem trabalho a lazer. Essa é uma tendência muito comum no cenário internacional, que começa a ser implantada no Brasil.

Bleisure: como aliar negócios a lazer com viagens corporativas?

Para que o bleisure funcione corretamente, é preciso adaptar período, local, e disponibilidade do representante corporativo da viagem. Uma atividade não pode prejudicar a outra. Antecipar a reserva do hotel, atento a disponibilidade do colaborador que vai realizar a viagem corporativa, para que ele possa disponibilizar seu tempo a outras atividades e se organizar financeiramente, uma vez que as despesas extras de turismo de lazer ficam por conta do colaborador.

Manter os viajantes corporativos felizes e empenhados para o crescimento da empresa, gera motivação para bater metas. Além disso, melhora o desempenho em negociações e produtividade. Além de network, negociações com fornecedores e crescimento no mercado, ele poderá usufruir do destino com mais liberdade: visitar pontos históricos, interagir com a cultura local, apreciar as paisagens, praticar esportes, relaxar e curtir todas as vantagens de uma viagem, são os benefícios de um colaborador que realiza viagens corporativas com a estratégia  do bleisure. Unir o util ao agradavel com custos reduzidos.

Se o colaborador quiser aproveitar a estadia do hotel que a empresa reservou para ele se hospedar e esse hotel possuir vários serviços que agradam o colaborador, esse pode combinar com a empresa, organizar suas férias ou um final de semana e pagar à parte essa reserva no hotel com mais serviço. Alguns hotéis já enxergam o bleisure como uma oportunidade de negócio e tem serviços e pacotes para esse tipo de hóspede. 

Como não confundir lazer e trabalho.

A empresa tem que levar em consideração para quais colaboradores vai oferecer essa oportunidade. Analisar os direitos do viajante corporativo, qual a responsabilidade da empresa sobre essa viagem, qual o custo do viajante e qual o da empresa e todas as questões que estão de acordo com o objetivo que esse benefício vai proporcionar e sobre a cultura da empresa. Essas informações devem estar descritas de forma clara e bem definidas na política de viagem das empresas

A  Tour House tem um serviço de políticas de viagens e relatórios que consegue controlar esse benefício para sua empresa.  Mais dias de reserva em hotel, passeios e refeições podem ser monitorados e o gestor de viagem consegue realizar todo o controle desse benefício. Entre em contato e agende uma visita com os nossos representantes.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.